razoes_para_se_tornar_empreendedora

8 Razões para se tornar numa empreendedora

Escrito por Rita Rodrigues

Nos tempos que correm, trabalhar por conta de outrem pode ser bastante limitador, tanto a nível pessoal, como de alcance de objetivos. Ter um negócio próprio, ser dona dos seus horários e do seu ordenado é uma excelente solução se sentir que precisa de mais. Mas antes de entrarmos a fundo nas razões pelas quais se deve tornar empreendedora, é importante referir que ser empreendedora requer um esforço inicial e mais dedicação do que aquela que tem neste momento. Se no seu emprego trabalha 8 horas, prepare-se para fazer horas extras e talvez nem ter um ordenado inicialmente. Mas, a verdade é que sem dor e sem esforço, não chegamos a lado nenhum.

O mais importante e aquilo que devemos ter sempre em mente é a paixão por fazer algo que gostamos: faça o que gosta e nunca mais terá de trabalhar um único dia na sua vida! Posto isto, vamos mostrar as razões que podem ajudar a dar o passo para se tornar numa empreendedora de sucesso!

Ser dona do seu próprio negócio

Já pensou, poder tomar as decisões que considera as mais acertadas, escolher qual o caminho a seguir, qual o horário de trabalho, não ter de justificar nada a ninguém a não ser a si própria? Nada melhor do que sermos fiel ao que nós queremos!

Possibilidade de maior rendimento

Antes de falar desta questão, é importante referir que o início poderá ser mais complicado em termos de vencimento. Muitas vezes, há que fazer algum esforço inicial e não receber qualquer ordenado até que o negócio seja rentável. Independentemente disso, ao fazer as coisas de forma estratégica e assertiva, ter um negócio próprio poderá fazer com que o seu salário seja superior ao que tem ganho até agora.

Gostar de desafios

Ser empreendedora significa não ter medo de correr riscos e ter vontade de alcançar objetivos. Qualquer negócio tem uma percentagem de risco e uns requerem mais investimento que outros. Certamente, o seu negócio terá sempre altos e baixos mas se gostar daquilo que faz e se for para dar o litro, tudo irá dar certo! Mas desafiar-se e não ter medo do desafio é o mais importante.

Ser dona de si mesma

Este é talvez um dos pontos mais positivos! Quando se é empreendedora, estabelecer horários, objetivos, clientes e parceiros é tudo de acordo consigo. Ninguém irá mandar, dar ordens ou simplesmente responder mal porque acordou num dia não.

Largar a rotina

Quando se tem um negócio próprio, a monotonia do dia-a-dia desaparece. Todos os dias são um novo desafio, dinâmico e com imprevistos. Os horários podem mudar consoante a necessidade, por vezes há viagens a fazer entre muitos outros pontos que a vão fazer esquecer que a rotina e a monotonia profissional existem.

Flexibilidade de horários

Dependendo do negócio, poderá escolher quais os melhores horários para executar as suas tarefas e quais os horários em que é mais produtiva. Há que execute melhor as tarefas durante a manhã e há quem o faça melhor durante a noite. Isso é consigo pois picar o ponto já não será necessário (dependendo sempre do negócio).

Realizar os seus sonhos

Ter um negócio próprio não se trata apenas de todos os pontos acima, mas também se trata de realizar os seus sonhos! Alcançar aquilo que sempre desejou, investir em coisas que gosta, viver a vida que sempre quis.

Fazer exatamente aquilo que gosta

Para além de todos os pontos acima, certamente irá avançar com um projeto ou negócio numa área que gosta e que sempre quis trabalhar. Isso irá fazer com que a “síndrome de Domingo à noite” acabe. Trabalhar não será um problema! Pelo contrário, faça o que gosta e não terá de trabalhar um único dia na sua vida.

Tinha vontade em abrir um negócio ou avançar com um projeto? Nunca tinha pensado nisso? Seja qual for a resposta, esperamos que estes pontos tenham contribuído um pouco mais para a possibilidade de se tornar numa empreendedora se sucesso!

Tags: No tags
0

Leave A Comment